Modas sem sentido.

Ah algum tempo atrás não se via muito as palavras "antissocial" ou "bipolar" no meio adolescente. Mas hoje, com a moda do twitter, parece que todo mundo acabou virando as duas coisas. 

É interessante, porque eu realmente não entendo o que uma pessoa pensa quando tenta parecer que é antissocial - uma coisa ruim, que interfere muito na vida de uma pessoa, e que é uma doença. O mesmo acontece com quem se diz bipolar, mas não é. Só por você ser um (a) adolescente que odeia os pais e seu cachorro late muito alto - e isso te irrita, não te faz bipolar, no máximo uma pessoa estressada.

Às vezes eu também vejo uma pessoa que se diz antissocial, mas todo final de semana está descendo até o chão na balada, se descabelando, conversando, pegando e etc. Isso não faz sentido, já que ser mais sociável que isso não dá - é hilário até.

Se você acha que ser antissocial vai te fazer uma pessoa "mais legal" (?), tente conhecer uma pessoa que realmente é. Você vai ver como é difícil para ela e vai mudar sua opinião no mesmo instante. O mesmo vale para você que se diz bipolar, porque caso realmente seja, você precisa se tratar.

4 Comentários:

Juliana disse...

Muito legal esse texto. Falo isso porque sou antissocial de verdade, eu realmente odeio sair e não gosto de estar acompanhada de pessoas. Não vou à balada no final de semana e nem encontro amigos todos os dias.
Esses adolescentes não têm mais o que fazer para aparecer 'diferente' para o seu meio social e inventam bipolaridade, antissociabilidade e muitas outras coisas das quais eles não precisam para viver bem.

Parabéns pelo blog.

Anna disse...

Hoje em dia tem gente que acha que ser bipolar é uma coisa muito legal, que vai te trazer um certo tipo de status, sei lá. Acham que gostar do namorado e logo depois estar com raivinha dele já te torna bipolar, mas não é bem assim né. Essas pessoas não compreendem que bipolaridade é doença, precisa ser tratada de verdade, e que pessoas que a tem não conseguem viver uma vida 'normal'. Elas sofrem, precisam de ajuda. Se auto-denominar de bipolar sendo que o cara não tem a doença, chega a ser até um insulto pra quem realmente é doente.

Biel " disse...

Realmente Anna D:

Biel " disse...

Juliana, tem coisas que nunca vamos entender né... Enfim, valeu (:

Postar um comentário

Ocorreu um erro neste gadget